Vendas no varejo: o que fazer para aumentar seu fluxo de caixa?

Assistência pet: quem pode obter ganhos com esse serviço?
Assistência pet: quem pode obter ganhos com esse serviço?
1 de novembro de 2018
Seguro viagem: incremente os serviços de sua agência!
Seguro viagem: incremente os serviços de sua agência!
1 de novembro de 2018
Vendas no varejo: o que fazer para aumentar seu fluxo de caixa?

Com a internet, a concorrência no mercado de produtos e serviços está cada vez mais alta, certo? Isso quer dizer que quem trabalha com vendas no varejo precisa sempre se reformular e estar conectado com o que há de novidade estratégica. Muito mais do que isso, aumentar o fluxo de caixa da sua empresa deve ser uma de suas prioridades!

Mas, afinal, como fazer isso? Tudo é possível se você levar alguns pontos importantes ao pé da letra e, ao mesmo tempo, definir metas e objetivos que devem ser alcançados em curto e médio prazos. Tendo tudo isso em mente, tirar do papel e colocar em prática vai ser mais fácil do que você imagina, e em pouco tempo, seu negócio poderá gerar bons frutos.

Pensando em ajudar você nessa tarefa que envolve um bom jogo de cintura e inteligência de negócio, separamos algumas dicas para aumentar suas vendas no varejo. Confira abaixo!

Tenha um excelente atendimento

Qual cliente que não gosta de ser bem atendido? Pois é, isso é uma realidade e ignorar o fato é perder potenciais consumidores que ainda podem ser fidelizados. Portanto, faça de tudo para atender com excelência o seu consumidor, seja pessoalmente, pela internet, por telefone ou até mesmo por mensagens de texto. Não importa o meio, o que vale é satisfazer o comprador!

Não se esqueça de que com um cliente bem atendido, aumentam as chances do seu negócio ser indicado por ele, além de criar um vínculo maior com essa pessoa que escolheu seus produtos ou serviços. Nada melhor do que ter uma clientela que escolhe você porque quer!

Treine a sua equipe de vendas no varejo

Andando lado a lado com um bom atendimento está uma equipe bem treinada. Vale lembrar que quem está lidando cara a cara todos os dias com o cliente é exatamente o seu colaborador. Ou seja, os profissionais que compõe a sua equipe precisam estar preparados para todos os tipos de situações e sempre serem muito simpáticos e atenciosos.

Dando um passo à frente, é importante mantê-los sempre atualizados sobre as boas práticas e formas de atendimento que sejam ágeis e modernas. Por isso, investir em treinamentos, pelo menos, a cada 3 meses é uma boa solução. Ou até mesmo fazer reuniões esporádicas de alinhamento já podem fazer a diferença no direcionamento dos funcionários.

Mostre o valor de seus produtos

Se você pensa que seus clientes já sabem o suficiente sobre seus produtos, talvez, esteja enganado. É essencial manter uma constante comunicação com os consumidores, para justamente mostrar o quanto seus produtos têm seu valor e utilidade. Só assim você conseguirá convencê-los a optar pela empresa!

Um ótimo modo de fazer isso é mostrando as boas formas de manuseio dos produtos e oferecendo dicas de como usá-los da melhor maneira. Tente também apresentar histórias de clientes reais que usaram os seus serviços ou produtos e tiveram ótimas experiências ou resultados!

Invista em marketing digital

Sim! Essa é uma das mais importantes partes do trabalho de vendas no varejo. Pense sempre que, como a comunicação é a arma do negócio, apostar em marketing digital é um dos braços essenciais para mostrar ao consumidor tudo o que a sua marca tem a oferecer. Muito mais do que isso, a sua empresa vai se mostrar conectada com as novas tecnologias que existem!

E para investir em marketing digital é bom você contar com a ajuda de pelo menos um profissional especialista nisso. Definir os meios de comunicação que vocês vão atuar também conta bastante, como blogs, mídias sociais, envios de mensagens, e-mails marketing, whatsapp e até mesmo a participação direta do cliente no seu site.

Use ferramentas de CRM

Você sabe o que significa CRM? Ele é a Gestão de Relacionamento com o Cliente, ou em inglês, Customer Relationship Management. Essas ferramentas têm como foco principal uma série de práticas com relação direta aos clientes, as quais envolvem boas estratégias de negócio e tecnologias que atendem às necessidades dos consumidores.

Isso quer dizer que você não só pode como deve apostar no CRM. Afinal, é ele quem vai ajudar você a gerenciar valiosas informações sobre o perfil dos seus clientes, além de detectar desejos e um verdadeiro histórico de compra junto a você.

As ferramentas de CRM são, praticamente, o complemento do marketing digital e funcionam melhor ainda se estiverem inseridas nas propostas da comunicação e estratégia do negócio.

Ofereça facilidade de pagamento

Muita gente tem cartão de crédito. Isso é um fato. Porém, tem muito cliente por aí que não conta com essa facilidade. Sendo assim, o que fazer para não perder as vendas no varejo com esse público? O melhor e mais aconselhável é você oferecer um leque de possibilidades para que os consumidores possam realizar o pagamento daquilo que desejam.

Isso inclui desde o tradicional dinheiro em mãos, cheques, débito em conta, cartão de crédito, parcelamento com crédito da própria marca, carnês de prestação, mensalidades e os boletos bancários! Esse último, por exemplo, já virou mania nacional e oferece a praticidade de ser pago em qualquer local até o vencimento. Assim, você consegue aumentar as chances de vendas no varejo!

Como você pode notar, são cerca de 6 dicas básicas e de fácil entendimento que podem ser colocadas em prática o quanto antes. Essas ações fazem parte de todo um conjunto de ideias estratégicas para que você aumente suas vendas no varejo e consiga alcançar, com sucesso, a clientela que tanto deseja.

Mas indo bem além, todas essas práticas podem até mesmo ajudar a sua marca a se destacar no mercado que é tão concorrido, transformar sua empresa como fonte de referência e trazer para mais perto os consumidores que tenham tudo a ver com seu negócio.

As vendas no varejo são muito possíveis e alcançáveis quando você investe em frentes interessantes e que impactam positivamente tanto sua empresa quanto os clientes que tornam o negócio possível.

Gostou? Que tal aprender mais sobre como aplicar o machine learning no varejo e ter muitos bons resultados no negócio? Continue conosco e veja como isso se aplica na prática! Boa leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *